30/06/2009

Acaba de sair quentinha do forno a versão final do mais novo navegador da Mozilla. Será que ele é melhor que os seus antecessores e concorrentes?
Já faz muito tempo que as especulações começaram. Mal saiu a versão 3.0 do navegador e já tinha gente falando do 3.5. Havia muitas versões beta e RC saindo para os apressadinhos de plantão. E todo mundo sabe que o objetivo principal do Firefox é bater o reinado do Internet Explorer. Mas só agora a Mozilla lançou, agüentando a pressão. A equipe Segredos da Informática colocou esse navegador ao teste de fogo. Vejamos como ele se saiu, desde a parte do download até a utilização.



Os testes foram feitos num PC com uma configuração básica: Windows XP Professional SP3, 512 MB de memória RAM DDR2 e 80 GB de HD SATA. A conexão à Internet era de 1 Mbps.
Download:
As taxas de download do Firefox mantiveram-se estáveis usando-se o navegador Chrome. Em menos de 10 minutos o arquivo estava pronto para ser executado.
Instalação:
O instalador é o mesmo das versões anteriores. Pode-se personalizar a instalação, mantendo-se o Firefox como navegador padrão.
Primeira execução:
Após instalado, executamos o navegador. Levou 23 segundos até que ele estivesse pronto para ser usado. Para efeito de comparação, o Safari 4 levou apenas 6 segundos até estar pronto. O Opera 10 Beta levou apenas 3 segundos. Ponto negativo para o Firefox.
Velocidade de navegação:
Algumas páginas simples, como Google, YouTube e o blog foram abertos. A navegação está muito rápida e estável.
Novos recursos:
Alguns novos recursos do Firefox merecem nossa atenção especial, mas se comparados à outros navegadores, alguns são meio defasados:
Navegação privativa: Pra quem ainda não conhece, é um modo de navegação em que seus dados pessoais, senhas e arquivos não ficam guardados no computador. Ou seja, você navega mais não deixa rastros. O Internet Explorer 8 já tem esse modo de navegação há algum tempo e o Chrome já inaugurou essa opção desde a versão 1.0. O Safari também tem a opção de navegação privada.

Limpeza personalizada: A maioria dos navegadores inclui uma opção para limpar os dados de navegação, senhas e outros dados. Só que quando você usa essa opção, todos os dados selecionados são apagados. No novo Firefox, você pode escolher a data dos dados a serem apagados. Ou seja, você pode limpar apenas a navegação do último dia ou de um período de horas ou dias. O Firefox é um dos primeiros a implantar essa opção, sendo o Google Chrome o pioneiro.

Exibição de conteúdo bem mais rápida: O motor do Firefox está bem mais rápido, resultando em exibições de página bem mais rápidas, minimizando erros de navegação. Também está compatível ao novo padrão HTML5.
Bom, como você pode notar, a mudança mais radical no Firefox foi marcada pela velocidade e pela adaptação aos novos padrões da Web. Porém, a maioria dos seus recursos são defasados perto dos concorrentes. Quer testar? Clique aqui e baixe o programa. Tire suas conclusões e envie-nos por meio de comentários. Você não vai se decepcionar. Por comentar.

{ 2 comentários.... read them below or Comment }

  1. Gostei bastante do Firefox 3.5, o desempenho dele no javascript está bem melhor, dá para notar uma grande diferença de velocidade no Google Reader e Google Maps.

    ResponderExcluir
  2. Eu acabei de baixa-lo ,ele é muito 10.

    ResponderExcluir

- Copyright © Segredos da Informática - Skyblue - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -